Fiscais do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e soldados do 24º Batalhão de Infantaria da Selva realizam na última quarta-feira (2) uma operação em combate a crimes ambientais em terras indígenas localizadas na região do Alto Turiaçu, no Maranhão. Duas pessoas foram presas.

A operação foi iniciada após lideranças indígenas das reservas Awá e Alto Turi terem pedido ajuda para as autoridades com o objetivo de evitar novas invasões em seus territórios. Também foram apreendidos um caminhão com 28 sacos de carvão vegetal e 40 kg de animais mortos, como cotias, pacas, veados e porcos do mato.
De acordo com o Ibama, os fiscais que trabalham na área estão recebendo o apoio do Exército por conta do perigo que existe na região, que tem a atuação de madeireiros que extraem madeira ilegal das reservas indígenas, de traficantes que usam as terras para o plantio de maconha e de grileiros que atuam de forma violenta.

G1/ma

by 09:12 0 Please Share a Your Opinion.