Prefeito Aluísio Sousa participou hoje, sábado (16), da inauguração do Hospital de Campanha de Açailândia, fruto de uma parceria entre Prefeitura de Açailândia, Governo do Maranhão e da Empresa Vale. O hospital foi construído em 26 dias e está localizado nas proximidades do Fórum de Açailândia, na Av. Dr. José Edilson Caridade Ribeiro, no Residencial Tropical.
Estiveram presentes na entrega do novo equipamento para tratamento de pacientes acometidos pelo Covid-19, o secretário estadual de Saúde, Carlos Lula; o gerente executivo da Vale, João Falcão; a prefeita de Vila Nova dos Martírios, Karla Batista; o prefeito de Itinga, Lúcio Flávio, o secretário municipal de Saúde, Linderval de Moura; a primeira dama, Valéria Sousa; o presidente da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh), Marcos Grande, entre outros. 
Ao todo, são 60 leitos, sendo 53 de enfermaria e sete de UTI. O hospital contará com o apoio de duas ambulâncias de plantão, ambas equipadas com estrutura de UTI. Cerca de 217 profissionais fazem parte da equipe que dará assistência aos pacientes. A estrutura dará apoio a municípios da região Tocantina. É o primeiro hospital de campanha da gestão estadual para atendimento às vítimas do novo coronavírus do Maranhão.
O prefeito Aluísio agradeceu aos parceiros e ressaltou a importância do hospital para nossa região. “Quero agradecer ao Governo do Estado, à Vale e a todos os profissionais de saúde que têm se empenhado na luta contra essa doença. Esse hospital vai ajudar a nossa população e as pessoas dos municípios do entorno”, afirmou Aluísio Silva Sousa, prefeito de Açailândia.
A prefeita de Vila Nova dos Martírios, Karla Batista, também comemorou a entrega. “É fruto do comprometimento do governador Flávio Dino e do secretário Carlos Lula com a saúde de todo o Estado. A prova disso está aqui hoje, com a abertura desta nova unidade exclusiva para Covid-19”, disse.
De acordo com o secretário estadual da Saúde, Carlos Lula, o Hospital de Campanha de Açailândia é uma iniciativa que vai ajudar a desafogar outras unidades públicas de saúde. “O hospital de campanha vai servir não só para Açailândia, mas para toda a região. É um hospital moderno, de média complexidade, com 60 leitos, sendo sete de UTI com respiradores. A gente tem certeza de que ele vai salvar muitas vidas. Melhor que abrir, vai ser quando pudermos anunciar que vamos fechar o hospital, porque vai mostrar que vencemos a pandemia”, afirmou o Lula.
A montagem do equipamento contou a importante parceria da Vale. “O hospital de campanha em Açailândia terá papel fundamental na luta contra a Covid-19. Ele está aqui para salvar vidas! Essa parceria demonstra nosso entendimento de que a única maneira de vencer essa pandemia é somando esforços. Além do hospital, a Vale também está disponibilizando duas ambulâncias UTI para suporte dos pacientes. É um esforço conjunto voltado à saúde das pessoas, das comunidades da qual nós também fazemos parte”, destaca o gerente executivo da Vale, João Falcão.

O presidente da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh), Marcos Grande, explicou como será o funcionamento do Hospital de Campanha de Açailândia. “O hospital é uma unidade exclusiva para pacientes Covid-19 e vai ajudar muito a região. O paciente precisa passar por um filtro em uma Unidade Básica de Saúde que vai regular este paciente para o hospital de campanha, onde receberá todo o suporte necessário”, esclareceu.



by 06:21 0 Please Share a Your Opinion.